“Doze novelas” para as Figuras da Ficção 4: colóquio internacional

*****

Uso de deidades, adorações, sacrifícios, entregos da alma, e outros hipérboles introduzidos como licenças poéticas, frases amorosas, e não em verdadeiro sentir, enquanto são gala do dizer e não desvios do sentir católico; isto, e tudo o mais, sujeito à censura da Igreja como filho dela.
Gerardo de Escobar, Doze novelas, “Protestação do Autor”.

Colóquio Internacional Figuras da Ficção 4_CartazA releitura das Doze novelas de Gerardo de Escobar, publicadas em Lisboa em 1674, teve uma intenção muito prática: estabelecer um conjunto de novelas breves, numa quantidade convincente, que me permitisse confirmar alguns aspectos da figuração das personagens barrocas sobre que já falei noutras circunstâncias.

Tudo isto por causa do quarto Colóquio Internacional Figuras da Ficção, que terá lugar nos primeiros dias de novembro, na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra. As inscrições para apresentação de trabalhos, que serão sujeitas a avaliação tem lugar até ao fim do mês.

Resumo feito. Falta-me o título. Há de vir quando menos esperar, como é costume. Mas detenho-me na epígrafe. Terei de abordar esta questão: a da validação da ficção romanesca no quadro da produção literária barroca, tendo em conta a constante necessidade de justificar, a maior parte das vezes com a capa redentora da alegoria, os enredos mais obscuros e extraordinários. Gerardo de Escobar bem avisa: Uso de deidades, adorações, sacrifícios, entregos da alma, e outros hipérboles introduzidos como licenças poéticas, frases amorosas, e não em verdadeiro sentir, enquanto são gala do dizer e não desvios do sentir católico. Mas os censores cortaram e cortaram… Vistas as informações, podem-se imprimir estes dous livros, um que contém Doze Novelas, outro intitulado Cristais d’alma, etc, menos o que em um e outro vai riscado, autor de ambos, Gerardo de Escobar, e impressos tornarão para se conferirem, e se dar licença para correrem, e sem ela não correrão.

Documentos:

Colóquio Figuras Ficção 2013_Instruções Inscrições sem comunicação

Colóquio Figuras Ficção 2013_Instruções Inscrições com comunicação

Colóquio Figuras da Ficção 2013_Registration form

Colóquio Figuras da Ficção 2013_Ficha de inscrição_1

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s