Vanitas

  Esta citação do Peregrino da América é uma entre muitas na multiplicidade da ficção alegórica e moral do barroco. Oh caduca belleza! Oh falsa vaidade! Como te considero tão depressa arruinada! De que te serviu a vida estribada em um engano com alentos de uma respiração, se havias de morrer de um suspiro? Ah infeliz!…

Vita brevis

Glórias, que hão de ser de tão pouca dura, para que é possuí-las? Felicidades tão momentâneas, para que é estimá-las? Formosura, que tão depressa se afeia, para que é idolatrá-la? Vida, que tão brevemente se acaba, porque que é prezá-la? Nuno Marques Pereira Compêndio Narrativo do Peregrino da América (1939, I: 284-285) Nos dias 26 e…

Emblemática e ficção

*** Para mover a sí y a otros, se han de amplificar las cosas y hacer descripción de ellas tan al vivo y como si las viésemos y luego saldrán los afectos […] piense el orador y pase por la fantasía imágenes que representen las cosas que se han de tratar, porque mucho más mueve…

Emblematica and fiction

*** (…) era em campo de ouro um Pelicano ferindo o peito sobre os tenros filhos, e ao pé dizia esta letra: ‘à custa de minha vida / sustento a de meus cuidados’. Francisco Rodrigues Lobo, Primavera (Floresta Nona) *** Num contexto cultural e artístico dominado pelo investimento em estruturas visuais de grande impacto, que…

Emergir

Não fui eu quem escreveu tristinfinitamente. Luís Belo, emergir, medíocre, 2013, p. 12. Percorro lentamente as páginas a sépia e a preto e branco de emergir. Lembro-me muito bem da primeira vez que vi o Luís Belo e as suas fotografias de Viseu. Foi na Fnac, como resultado de sucesso num concurso fotográfico. Fui sabendo…

Mui comprida de soberba

Confesso. É só uma pontinha, assim miudinha, quase imperceptível… mas tem nome e chama-se vaidade. E lá estão pelo menos cinco volumes, alinhadinhos, entre o meu casal de Sargadelos, todos iguaizinhos, a dizerem que já cá estão e com muito gosto! Matias de Andrade não fala de «vaidade» mas fala abundantemente da «soberba», quase sinónimo….

Agudeza fingida

Sempre gostei desta expressão utilizada por Baltasar Gracián, a «agudeza fingida», utilizada no Tratado segundo de la agudeza compuesta, no Discurso LV, última parte da Agudeza y arte de ingenio, publicado pela primeira vez em Madrid, em 1642 (Baltasar Gracián, «Agudeza y arte de ingenio», in Obras Completas, Madrid, 1944). Pela ficção, anunciada como processo…

Emblematic talks: Stirling Maxwell Centre

Há lugares, páginas, investigações, pessoas, textos, imagens, gravuras, que têm uma matriz comum: a emblemática. A Universidade de Glasgow continua a ser a referência dos estudos emblemáticos e torna-se imprescindível passar pelo Glasgow University Emblem Website, pelo Stirling Maxwell Centre for the Study of Text/Image Cultures, com um conjunto de actividades de uma coerência, de…

Não mais amarei quem possa morrer

Nunca mais amarei quem não possa viver sempre, porque eu amei como se fossem eternos a glória, a luz e o brilho do teu ser… Meditação do Duque de Gandia sobre a morte de Isabel de Portugal, Sophia de Mello Breyner Tenho em mãos a arguição de um projecto de doutoramento subordinada ao tema da…

Amor e pedagogia: Escola de Bethlem

Sara Augusto.  «Escola de Bethlem: amor e pedagogia». Via Spiritus, Revista de História da Espiritualidade e do Sentimento Religioso. CITCEM, nº 17, 2010, 109-132. Este artigo, publicado na reconhecida revista Via Spiritus, editada pelo Citcem, unidade de investigação da Faculdade de Letras da Universidade do Porto, teve uma história longa. Em primeiro lugar, o estudo…

“Terciopelo carmesí recamado de oro”: imágenes del poder real

Sara Augusto (2012). «”Terciopelo carmesí recamado de oro”: imágenes del poder real». Poderes y autoridades en el siglo de oro: realidad y representación (eds. António Apolinário Lourenço e Jesús Maria Usunáriz). Navarra. Ediciones Universidad de Navarra (Eunsa). 31-42. O estudo dos manuscritos das viagens a Roma na época barroca tem-me proporcionado algumas das melhores experiências…

Ut pictura fictio

Congresso 1580-1834: Novos trilhos de pesquisa. Barroco, Ilustração e Romantismo e a sua irradiação na atualidade. Budapeste, 7 e 8 de Novembro. Muito pouco está estudado da Literatura Barroca em Portugal. Os novos trilhos são os antigos trilhos. E continuarão a ser enquanto não houver uma política séria de edição dos textos. Retomando e projetando…